quinta-feira, 27 de setembro de 2007

De onde menos se espera...

Pareces demasiado atenta ao que ali te leva. Muito senhorinha, lá andas a juntar o material para pôr mãos à obra... Já todos no lugar, com o cavalete destemido pronto para as nossas ameaçadoras pinceladas, olhas para o lado e perguntas: "Olha... O que é que tens hoje?..."

Encontrei no azul cerúlio dos teus olhos a capacidade de ler nos meus olhos castanhos o cansaço e a tristeza que me envolviam. E pensei "O dia inteiro com adultos e ninguém me faz esta pergunta... Que miúda empática!"

"Estou cansada, querida... Só isso..."

Menti-te descaradamente e apercebeste-te. Devolveste-me o sorriso quando me pintaste de azul a ponta do nariz! E sabes que mais?... Fizeste-me sorrir para a semana que aí vinha...

Margarida

Nota: este post foi escrito à mão na 3ª de manhã e só pude publicá-lo hoje. Daí o desfasamento temporal.

1 comentário:

BijuNet disse...

Oh Margarida!
O que posso dizer?
Não sei a causa desses sentimentos, mas espero que aproveite o fim-de-semana para recuperar.
Um grande beijo, do fundo do meu coração, mas um bem grande para ocupar o lugar dessa tristeza.
Bom Fim-de-semana!
Andreia